A origem de Cavalcante remonta a 1736, quando o garimpeiro Julião Cavalcante e seus companheiros chegaram a região em busca de novas minas de ouro. A notícia da descoberta de imensa mina de ouro de grande profundidade à margem do córrego Lava Pés, na serra da Cavalhada, atraiu numerosos aventureiros dos mais distantes rincões, iniciando-se o povoado com o nome de Cavalcante, em homenagem ao fundador e colonizador.

Localizadas a 63 km da cidade de Cavalcante o acesso é feito pela estrada Cavalcante-Minaçu, deve-se seguir em direção ao povoado Kalunga do Vão do Moleque e tomar a esquerda no entroncamento com o povoado de São José, seguir até a casa do Sr. Gerulino, responsável pela portaria da cachoeira, possui sinalização turística em alguns trechos da estrada. A partir daí chega-se de carro a 100 m das primeiras quedas e depois segue-se a pé para as demais cachoeira para o outro conjunto de cachoeiras mais abaixo percorre-se cerca de 600 m em trilha.

O complexo de cachoeiras do Rio Prata reserva belas paisagens com vários poços para banhos e vegetação muito preservada. Possui sete cachoeiras visitáveis em todo o percurso do complexo. Todas com lindos locais para banho com água verde esmeralda transparente, um dos pontos mais procurados por turistas no município. Com acesso fácil nas primeiras cachoeiras para visitantes principalmente famílias e idosos.

A primeira cachoeira com aproximadamente 6 m de altura reserva um pequeno poço para banho, com local para entrar embaixo da queda e receber uma massagem natural.

A segunda cachoeira possui ótimo local para banho com profundidade média e visual para a terceira cachoeira tem aproximadamente 8 m de altura.

A terceira está localizada logo abaixo da segunda cachoeira possui aproximadamente 20 m de altura com grande poço de água transparente em meio à vegetação densa e um paredão de rochas, o acesso para essa cachoeira é perigoso e necessita bom preparo para enfrentar um paredão de pedras.

O complexo de cachoeiras do Rio Prata reserva belas paisagens com vários poços para banhos e vegetação muito preservada. Possui sete cachoeiras visitáveis em todo o percurso do complexo. Todas com lindos locais para banho com água verde esmeralda transparente, um dos pontos mais procurados por turistas no município. Com acesso fácil nas primeiras cachoeiras para visitantes principalmente famílias e idosos.

Seguindo a trilha pela margem esquerda do Rio Prata antes da primeira cachoeira, segue-se aproximadamente 7 km em trilha para a cachoeira Rei do Prata, com uma paisagem exuberante a trilha possui sempre visual para o vale do Prata. O rio Prata desce cortando um paredão de pedra e forma uma cachoeira de aproximadamente 12 m, com um enorme poço de água cristalina têm aproximadamente 9 m de fundura e uma pequena praia de areia e seixos. Local paradisíaco compensa a caminhada, é um dos cartões postais da Chapada dos Veadeiros.

Logo abaixo há um mirante para o final do vale, já avistando o Vão do Moleque em Território Kalunga. Ao lado está a cachoeira do Urubu-rei com uma queda de aproximadamente 20 metros.